;

História e Tradição

Membro da influentíssima família anglo-americana Astor conhecida pela sua proeminência no mundo das finanças e da política no século XIX, Lord John Jacob Astor IV é o primeiro proprietário do famoso hotel Waldorf-Astoria, construído em 1897, na Park avenue, em Nova Iorque.

Homem de espírito inquisitivo, Lord Astor notabiliza-se tanto na literatura como na ciência (submetendo pedidos de patentes de várias invenções). Tornou-se coronel em 1898, durante a Guerra Hispano-Americana.

Lord Astor, de férias em Paris, em 1905, visitou a Condessa de Greffulhe que organiza um salão literário no número 31 da rue d’Astorg, ponto de encontro da aristocracia europeia e dos grandes Espíritos da Belle Epoque. Seduzido por este lugar, manda construir em 1907 um hotel especial homónimo no número 11 da rue d’Astorg, o hotel Royal Astor que se tornará um século mais tarde, o hotel Astor Saint-Honoré. Lord Astor tinha então por vizinhos Edmond Rostand, Paul Claudel, Auguste Rodin, Man Ray, Georges Clémenceau e também Raymond Poincaré.

Esse contexto histórico-artístico ajuda a compreender o entusiasmo de Lord Astor em relação a este estabelecimento que ganhou depois fama internacional.

Em 1911, Lord Astor casa com Madeleine Talmage Force. Na noite de 10 de abril de 1912, o jovem casal embarcou em Cherbourg com destino a Southampton e depois a Nova Iorque. Quatro dias mais tarde, Lord Astor perece aquando do naufrágio do Titanic.




22_Concierge